Weather (state,county)

Em greve, PRF não aplica multa e atende acidente se for grave

O Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais da Paraíba (SinPRF/PB) anunciou nesta segunda-feira (20) que os seus 248 funcionários aderiram à greve geral da categoria e paralisaram as atividades. O sindicato informou que a aplicação de multas, o combate a criminalidade, o auxílio ao usuário e o atendimento aos acidentes sem vítimas serão alguns dos serviços comprometidos pela greve.


O Vice-presidente do sindicato, Ed Porto Bezerra, esclareceu que a greve partiu do Conselho de Representantes da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) e que os sindicatos definiram as estratégias para que a paralisação acontecesse. Ed Porto também ressaltou que apenas 30% do quadro de policiais rodoviários da Paraíba vai atender as demandas do estado, o que, segundo o vice-presidente, vai comprometer os serviços prestados à população. “Acidentes sem vítima nós estamos orientando para irem ao posto policial. Também não haverá aplicação de multas. O combate a criminalidade e auxílio ao usuário serão prejudicados”, ressaltou.

Ainda segundo o sindicato, os grevistas reivindicam a reestruturação da carreira, a incorporação da insalubridade, o pagamento de adicionais noturno, a ampliação do efetivo, o recebimento de viaturas e um melhor sistema de internet para realização das atividades da PRF.

Eb Porto informou que será realizada uma reunião com presentantes do governo para debater as reclamações da categoria na quinta-feira (23). “O governo está sinalizando para uma conversa, mas com um marasmo muito grande”, declarou.


Do G1


Em greve, PRF não aplica multa e atende acidente se for grave Em greve, PRF não aplica multa e atende acidente se for grave Reviewed by Redação on agosto 20, 2012 Rating: 5

Nenhum comentário

Business

Política

Latest in Sports

Cidades